FANDOM


Rehoen Go!

Rehoen Go! (1 de Outubro de 2013 - 7 de Novembro de 2015) é a primeira série escrita por Arthur L. Neto em ritmo profissional, escolhida como a melhor e abrange temas e personagens usados de suas criações anteriores, adaptados e misturados com sua vida cotidiana e seu passado para criar diversas histórias excêntricas. Nelas, Arthur pretende passar sua visão, impregnar sua filosofia, e poder expressar sua criatividade criando um universo quase que alternativo, com os pés na realidade, o qual chama desse mesmo nome, em homenagem a série que o motivou a começar os planejamentos da mesma, "Rehoi".

Devido a atrasos e procrastinações que o produtor fez em sua jornada, principalmente depois de oscilações que Reheon sofreu em Setembro de 2014, eis que no exato dia de 7 de Novembro de 2015, a série foi cancelada.

Introdução Edit

Rehoen Go! é passo em um universo alternativo, sem datas específicas, e nem localidades e países, se resumindo apenas na região de "Walker Luie", embora faça constantes menções ao mundo atual, da sociedade moderna ou da cultura de modo geral. Em Walker, a ascensão e a prosperidade são as palavras-chave. Duas cidades semelhantes ao ritmo de crescimento, mas diferente em sua história e política ganham destaque: "Wikaner" e "Dendróvia Dekan". A primeira é uma referência em Walker, sendo a primeira erguida na região e concebendo influências em muitas áreas, sendo voltada para as indústrias e empresas de grande porte, que gera um volumoso PIB que faz William Costa Platino, o prefeito, ter de modos eulisitos grandes riquezas e uma vida luxuosa. Já a jovem Dendróvia é um prodígio e uma criança em meio aos gigantes. Uma terra glorificada trabalhada por esforço mútuo de seus habitantes, de origens humildes de uma colônia de jovens de quinze a dezenove anos, Dendróvia se ergueu de uma ditadura histórica para Walker feita por Caio Afonso, e por parceria de Luciano Oliveira e Vinícius Aquiles ela se torna uma mega-potência, igualmente voltada para as indústrias, mas também para o turismo e outros ramos que fizeram o pacato terreno ser digno dos olhares internacionais.

Nestes dois importantes cenários, um grupo criminoso emergiu há seis anos (durante a ascensão de Dendróvia). Os M-A's era uma seita terrorista que ataque constantemente a desprotegida Dendróvia, precariamente na tutela dos Vigilantes, liderados por um ser maligno e cada dia mais psicótico chamado de Gustavo Ferreira que adotava o pseudônimo "Morre-Arth". Almejando vingança por mal-entendidos com seu ex-amigo de escola, Arthur L. Neto, a coragem e valentia de Dendróvia foi testada em climas de guerra, aonde amizades e ódios floriram. Rafael Dlamant e Lucas Ricotta, fundadores oficiais não-reconhecidos, aos poucos foram percebendo e atuando para que "Morre-Arth" fosse deposto de seu cargo, e logo após o ambicioso plano nomeado de "Rebelião do Ventre", eles conseguem a liderança do grupo deixada com Rafael. Logo uma paz por um acordo entre este e Arthur foi feita, e a paz aparentemente reina. Gustavo, não vencido, funda com seu cumprisse Marlon Rodriguez o grupo O Grito da Justiça, que segue os planos originais, mas são toda vez derrotados pelas forças em conjunto dos M-A's com o governo de Dendróvia.

A cidade por sua vez ganha um sistema político diversificado e polêmico que faz com que a mesma ganhe reconhecimento, e a combinação diplomática entre os amigos Luciano e Vinícius fazem com que O Supremo Conselho fosse a peça certa para a fortificação merecida da cidade, que em seis anos consegue transcender de seu antigo ambiente pós-ditadura para uma megacidade, aumentando espantosamente de tamanho. Infelizmente, o conselho é taxado como "não-comunista", e muitas vezes corrupto por não haver resultados que não fossem a favor dos dois governadores da mesma. A falta de outros cargos como "vereadores" também contribui para estas revoltas, que aos poucos vão ganhando manifestantes.

Rafael Dlamant, vendo a falta de futuro produtivo dos M-A's, que por sua vez também era formados por jovens de pouca idade assim como Dendróvia, no entanto com um caráter mais fogoso e agitado, resolve investir nas conquistas do grupo para fazer algo maior. Em jogos e artimanhas, Rafael vende o M-A's Village - vila fundada pelos M-A's em territórios próximos à Wikaner - para a própria Wikaner, usando do dinheiro para erguer um prédio na mesma região que ganha prestígio, e os ex-M-A's ganham com isso uma residência com um valor fixo a ser pago, mas toda a mordomia e sociabilidade da antiga comunidade. Eis que surge o M-A's Society, Sociedade M-A em português.

Grupos adjacentes ao conflito também surgem de ambos os lados. Três deles foram: Um grupo exotérico que com seu único membro tinha aceso ao misticismo incompreendível e malicioso que poderia aos poucos causar profundos maus ao equilíbrio cósmico chamado de Os BWD, que seu líder usava de seu aparente poder para ameaçar a paz de Dendróvia e dos M-A's, uma vez que foi renegado pelo segundo. Um grupo juvenil de garotos(as) que questionavam a autoridade e poder bélico dos M-A's, e visava acabar com eles de maneira audaciosa, infiltrando no mesmo e roendo sua estrutura aos poucos chamado de Os Besouros-Negros. E por fim, um grupo de homens de sucesso que usavam de seu poder para criarem uma elite, que em Dendróvia, badernavam e zoavam confrontando muitas vezes o Conselho, e outras caindo na gandaia se tornando um ponto hostil voltado a zona norte chamado de "O Bonde do Levine", pois eram seguidores de um jovem carismático de personalidade descolada, original e volátil apelidado de "Levine", mas seu verdadeiro nome era Júlio Tavares.

A série aborda tais temas e seus resultados na atualidade, depois de seis anos de existência, e pouco a pouco explora a riqueza dos eventos, de uma maneira tão original quanto espontânea, além de mostrar muito mais personagens além dos que foram apresentados, e seu avanço em suas vidas pessoas. Isto é "Rehoen Go!".

Enredo Edit

1ª temporada Edit

Rehoen Go! com tão rica história e tramas é apresentada suavemente durante a primeira temporada, que é voltada mais para a apresentação. Com mil temas diferentes sendo explorados, a primeira temporada dá ênfase inicialmente para Rafael Dlamant e o M-A's Society, que contam com um grupinho liderado por "Savoir Mad" (Henrique César) para causarem confusões sociais. Savoir, um jovem sem intensões na vida além de irritar os outros, provoca constantemente os nervos da administração e de seus desafetos, provocando cada vez mais inimigos. Anderson em "Normalmente Anormal" é o primeiro a ligar para isso, e mostra nos episódios sempre sua insatisfação a respeito. O prédio lida com uma administração firme, mas pouco adepta a alterações. Amigos inseparáveis, Rafael e Lucas Ricotta dividem a liderança do local, considerando que as opiniões e personalidade do primeiro são bem mais fortes do que do segundo, que atua com sua apreciável benevolência. Megan, uma moça bastante cuidadosa e animada, é a namorada doce e parceira de Rafael, que mesmo um tanto protetora sempre tenta agradar seu amante de diversas formas, considerando que a relação é bem duradoura e sem sinais de infidelidade. Anderson é o único que não está conectado muito bem na administração, que mesmo prestativo e um eixo de força e perfeição para a estrutura, não é tão bem reconhecido e mesmo com sua amiga de trabalho Megan ao lado, a mesma não é capaz de defendê-lo ou colocá-lo em seu lugar, uma vez que ele não tem tal poder, por amor e certo medo a repudia de Rafael, que tem um temperamento forte e marcante. "Savoir" aproveita desta brecha para agir. A administração também conta com Jurandir Peixoto, único afro-descente apresentado do lado do prédio na temporada, mas não apresenta muito destaque na mesma sendo apenas "o segurança do prédio". Os moradores aos poucos manifestam-se no decorrer da temporada, como o amigo de Savoir, Cássio Asprote, que o incetiva em suas pilantragens, ou Tyler Hangover, ex-namoro desengonçado de Megan. Outros como Daniel Chariet, - jovem sedutor e sensível amado pelas moradoras do prédio - Rebecca Hustle, - moça de excêntrica personalidade, ativa e um pouco exagerada - ou Greg Tenyleges - jovem muito amigável que de uma personalidade ativa e despreocupada, amante da tecnologia, é bem quisto entre a administração e a comunidade do prédio - também ganham seus merecidos destaques em algumas áreas.

Outro ponto que a primeira temporada pega é o Supremo Conselho, comandado por Luciano Oliveira e Vinícius Aquiles. A amizade dos dois é foco central, desde a parceira a ditadura até os momentos atuais. O problema se surge quando Luciano, mais sensível, se cansa de seu trabalho após ver que sua juventude estava sendo direcionada unicamente para seu trabalho no Conselho. Assim, ele deixa Vinícius no comando da cidade para arejar sua cabeça, e como prefeito ele tem que agir a qualquer ameaça. Na mesma cidade, Júlio aproveita de sua fama para viver uma vida de luxo, no entanto um foco indireto é dado nele no decorrer da temporada a qual é apresentado tanto seu bonde, quanto o canal Undertown, empresa fundada por Gabriel Malta e administrada por seu bonde para o entretenimento de Walker Luie, e obviamente isto lhe atribui uma grandiosa fama e relações com importantes personalidades. Mas a dúvida central fica: o que Levine tem por trás de suas mangas?

Ainda mais, Gustavo Ferreira ("Morre-Arth") está em estado de nervos e considerável depressão após anos sem ver a vingança desejada sob seu inimigo, Arthur L. Neto, que por ventura está desaparecido do mapa há cerca de um ano. Consolado por atividades criminosas ao lado de seu amigo Marlon Rodriguez, Gustavo clama todos os dias por vingança tanto a Arthur, por tê-lo "roubado sua" Natália, tanto a Rafael por ter apoiado Dendróvia e expulsá-lo dos M-A's. Assim ganha o posto de vilão da temporada, ao lado de Caio Afonso, ditador dos flashbacks. Caio se tornou um mendigo pacato depois de seus fracassos, e na pior anda nas ruas de Wikaner, mas sem foco nesta temporada a não ser de nos flashbacks, aonde é o vilão da vez. Arthur também ganha destaques, aonde deixa em "Presos na Liberdade" de um estado insano adquirido em tropeços numa expedição solitária às matas de Wikaner e se torna um selvagem. Guiado por uma divindade a uma importante, o jovem depois de enfrentar a fúria benevolente dos Besouros-Negros aos poucos tenta se re enturmar na sociedade, e se torna o grande homem que era antes, mas acaba atraindo para si os amargos olhares de Morre-Arth, embora tal tema não é exaltado na temporada.

Moradores notáveis de Dendróvia desde sua ascensão se dividem entre "levinianos" e "não-levinianos" nos episódios, aonde aparecem ganhando certos destaques. Os mais notáveis são de John Nicrons, - rapaz educado e prestativo, amigo de todos e muito carismático - Arthur Kannath, - jovem igualmente educado, ambicioso e muito sociável, amigo dos dois lados e muito sagaz - Daniel Thoy, - arrumado aos dias, porém um grande baderneiro as noites conhecido pelas noitadas de alcoolismo - ou também Stevan Ciranze - misterioso e solitário motoqueiro, com fama de impetuoso e jeito malevo de ser. Além de muitas outras personalidades como Cauã Curibato, - questionador e falante, experiente e interessado em política que não perde uma chance de expressar sua opinião - João Batista, - organizado e um pouco responsável, mas com seu particular jeito de ser despreocupado e empático - ou José Luiz - calado perante grandes massas, mas comunicativo e trabalhador para quem o conhece bem - que também ganham merecidos olhares durante a temporada.

A temporada também conta histórias ou menções, tais como a fundação de Dendróvia que foi gerida por José Pedro pós um desastroso acidente provocado pelo mesmo. Luan Berbeda, o membro solitário dos BWD, ganha olhares com seu feitiço de criar cópias sombrias de suas vítimas somada a sua falta de auto-estima. Felipe Rattione ("Beetleleader"), que ascende na carreira de zelador de Wikaner na patrulha ainda comandando com Robert Sonson Os Besouros-Negros. Bruno Torres e Stephanie Liccon que tem um romance adolescente, embora não focado, vindo do mesmo grupo. Ou Dante Mors, o ceivador, que sofre com dificuldades no mundo espiritual, ou ainda o oráculo Sebastian Auguri-Futurum, que entende tudo sobre a quarta dimensão e a vida além do tempo e espaço.

2ª temporada Edit

Foi planejada uma segunda temporada para série, mas ainda dependerá dos resultados da primeira.

Elenco Edit

Visite está página para ver a lista completa de personagens.

Episódios Edit

Visite está página para ver a lista completa de episódios.

Curiosidades Edit

  • Rehoen Go! explora o passado de série e vivenciações do escritor, Arthur L. Neto.

Em Setembro de 2014, a série após uma estagnação total foi cancelada no dia 19. Todavia, ainda confiante, três dias depois ela foi "re-continuada", tendo como boa consequência a publicação do episódio, A Vingança é um Prato que se Come Cru.

Ver Também Edit

Start a Discussion Discussions about Rehoen Go!